Porque meu blog é lento?

Esperar muito para carregar um site é muito desagradável, isso é um fato. No Brasil temos que conviver com uma conexão de internet que não é nenhuma maravilha, e pra você que mora no Sul-Sudeste-Nordeste não reclame da sua internet, pois você nunca precisou conectar a internet, e ainda atualizar um blog diariamente com a internet do Norte. Hoje irei passar algumas dicas para que seu site carregue mais rapidamente.

É sou do Norte, mais precisamente de Manaus, poucos sabiam disso, e acredito ser o único metablogger aqui do Amazonas, senão do Norte. Mas calma, aqui não é só floresta, índio, jacaré. Aqui temos uma cidade bem desenvolvida, mas temos um fator geográfico mesmo, que são os rios e isso dificulta um pouco a conexão, mas isso é o de menos, vamos voltar para o foco do artigo.

Diversos fatores podem estar fazendo seu site ficar lento, em acessos orgânicos, aqueles em que os visitantes ainda não conhecem seu trabalho e estão apenas buscando uma informação, esse fator é mais agravante, levando em consideração que a maioria dos usuários, abrem várias abas com páginas que acham que irá satisfazer a sua procura e a que carregar primeiro ele irá consultar e as outras serão fechadas. É irá aumentar a sua taxa de rejeição também. Hoje irei trazer cinco fatores que podem fazer seu site carregar lentamente, e algumas vezes ficar indisponível.

Erros de DNS

Todo site é acessado pelo seu “nome”, denominado de domínio, ao acessar o Escola Sites, você acessou www.escolasites.com, já pensou se você precisasse digitar 173.192.192.21/~escolasites? Pouquíssimas pessoas iriam decorar esses números e poucas iriam acessar o site. Para isso servem os DNS (Domain Name System), ou seja, são sistemas que traduzem o domínio para o endereço que realmente a aplicação está localizada, mas se domínio pode estar com erros em algumas zonas DNS que fazem seu site ficar mais lento, pois para resolver (traduzir) o nome de seu blog, para saber se existe algum problema acesse o site www.intodns.com, caso apareça alguma linha em vermelho, como pode ser visto na ilustração abaixo, você está com problemas e entre em contato com a registradora de domínios.

Muitas imagens ou imagens pesadas demais

Todo site possui muitas imagens, elam fazem parte do site, mas é necessário ter em mente que o excesso delas pode estar fazendo você perder visitas e mesmo perder leitores que já são fiéis. Aqui no Escola Sites já criamos alguns bons artigos para você verificar a quantidade de imagens que seu site carrega, como por exemplo: As 5 melhores ferramentas para testar a velocidade de seu site. Outro problema que você pode estar passando é que seu site nem possui muitas imagens, mas elam são pesadas e as mesmas demoram para carregar. Para solucionar esse problema considere acessar o artigo Plugins indispensáveis no WordPress, onde apresento uma solução chamada Smush. IT, que faz com suas imagens fiquem bem menores, há casos de até 95% de compressão.

Muitos códigos desnecessários

Criar uma página cheias de efeitos e opções é bem interessante, mas você precisa ponderar se esses efeitos e opções, sobretudo de códigos javascript’s e animações em Flash, para quem usa WordPress e comprou um template premium, afirmo que em 99% dos casos, eles estão cheios destes códigos que você acha bonitinho, mas na verdade fazem o tempo de carregamento de seu site ir lá para alturas. Eu recomendo fortemente que abra o editor de códigos de seu WordPress e dê uma olhadinha nisso.

Outro fator que encaixo aqui são as fontes Cufon. Eu irei explicar resumidamente sobre o assunto, mas criarei um artigo em breve para mostrar mais detalhes sobre o assunto. Fontes Cufon, são códigos javacripts que desenham em tempo de carregamento as letras, isto é muito usado em títulos de seção, e mais uma vez um templates premium sempre possui uma. Uma fonte bacana, pode fazer seu site ficar até 300 KB mais pesado e demorar mais alguns segundos para carregar.

Página não otimizada

O código da sua página como um todo é gerado cheios de espaços em branco, desde o HTML, passando pelo CSS até chegar no Javascript, eles estão cheios dele. Quando o web designer está criando o template estes espaços facilitam e muito, e também na manutenção. Mas com o site pronto, esses espaços, sobretudo no CSS e no Javascript, apenas aumentam o tempo de carregamento.

Para minimizar este efeito, existe o plugin WP Minify, aviso desde já que o mesmo pode não funcionar em alguns templates, fazendo com que seu layout fique bagunçado. Para que você tenha mais segurança e não precise instalar mais um plugin, você pode acessar os sites a seguir:

  • http://www.minifycss.com/ – para diminuir o tamanho de seu arquivo style.css, apenas copie o conteúdo do arquivo no site e depois copie o conteúdo que o serviço irá gerar de volta no seu style.css
  • http://jscompress.com/ – Para minificar seus arquivos javascripts, faça o mesmo processo citado acima, mas com os arquivos de extensão .js

Não usar um plugin de cache

Usar um CMS (Gerenciador de conteúdo) é fantástico, e é bem verdade que é uma tarefa quase impossível ter um blog sem esses sistemas. Mas como já citei aqui, estes sistemas guardam suas informações em bancos de dados, formando o HTML na hora que você está acessando o site. Isso deixa o blog mais lento, mas para diminuir e muito este efeito, existem os plugins de cache, que resumidamente formam esse HTML apenas uma vez de tempos em tempos e todas as outras vezes que o visitante acessar seu site o HTML estará pronto a servir.

Para ter uma visão mais ampla e ter recomendações de plugins de cache, acesse um artigo inteiro sobre o assunto: 4 Excelentes Plugins de Cache para Acelerar seu site.

E o seu blog, demora para carregar? Conhece outras técnicas para melhorar o carregamento das páginas?

Jair Rebello

Empreendedor e Nômade Digital. Dedica grande parte do seu tempo para criar soluções como o Plugin SqueezeWP e o Template ConversionWP Premium que ajudam dezenas de milhares de empreendedores a desenvolverem seus negócios.

Website: http://www.rebello.blog.br